Skip to main content

As pessoas doentes estão adoecendo o mundo. A lição que reaprendi. O carro sujo de frutas que caíram da árvore, decidi ir a praia de ônibus, que por sinal pelo horário estava vazio. Entrou uma jovem de beleza incomum, branca e loira, aparentava europeia. Fixei meu olhar na moça e não desviei até ela sentar-se à frente. Instantaneamente, refleti sobre as reclamações das feministas, não tinha maldade em mim, nem luxuria, apenas olhei aquela beleza e não consegui desviar. Em Copacabana, ela desceu, meu destino Ipanema. Ao se levantar, imediatamente abaixei minha cabeça e virei a cara ao contrário. A moça percebeu minha autopunição, ao chegar perto de mim, ela parou uns segundos, esfregou sua coxa com intensidade no meu braço suado e seguiu seu caminho, enquanto eu, parado sem reação. Lição do dia: gente doente adoece a sociedade. Gente má vê maldade em tudo, até onde não tem. Gente do bem, vê o mundo com sabedoria e naturalidade.